COPA SGP EM MARINGÁ RECEBE A ABERTURA DA TEMPORADA 2018/2019 DA ANTT

Menos de uma semana após encerrar sua temporada histórica de 15 anos, a Associação Nacional dos Três Tambores da início ao 16° Campeonato Nacional de Três Tambores durante a Copa SGP, que será realizada em Maringá-PR neste final de semana.

A Copa SGP é uma das maiores e mais consagradas provas equestres do Brasil, distribuindo cerca de 380 mil reais em prêmios. Ela será realizada de 19 a 23 de setembro na arena coberta do Parque de Exposições Francisco Feio Ribeiro. O evento sediará uma etapa bônus da ANTT, que abrirá a nova temporada nos dias 22 e 23 de setembro.

“É uma honra para a ANTT dar inicio a nova temporada em uma prova consagrada como a Copa SGP. Mantemos uma parceria de alguns anos com a Marli Faria e sua equipe, que são referencia em organização de provas e este ano retornamos a Maringá para a abertura do nosso calendário, consolidando ainda mais esta parceria,” declarou Graziela Mendonça, vice-presidente da ANTT.

Estarão valendo pontos para o ranking da ANTT a Categoria Feminino e as categorias que se enquadram na Categoria Mirim, até 12 anos desde que a competidora esteja filiada a ANTT e indique no momento da inscrição que deseja pontuar pela etapa bônus.

Serão considerados para a Categoria Feminino, os resultados da Copa SGP na categoria Tambor Feminino, que acontece no domingo, 23 de setembro. Nesta categoria a competidora pode realizar quantas inscrições desejar, desde com cavalos diferentes e será considerado para a classificação da Etapa Bônus da ANTT, o melhor tempo de cada uma.

Na Categoria Mirim para pontuar para o ranking nacional da ANTT, as competidoras devem escolher previamente uma das Categorias Jovens até 12 anos. Há a opção de escolher mais de uma categoria, desde que seja com animais diferentes e caso pontue em duas ou mais categorias, irá para o ranking apenas o melhor resultado da competidora.

De acordo com o regulamento da ANTT, a pontuação será distribuída para as 10 melhores da Categoria Feminino e para as cinco melhores na Categoria Mirim, de acordo com suas colocações, mas vale lembrar que os pontos das etapas bônus são reduzidos em relação as demais etapas (50% dos pontos). Também não há premiação extra, somente a premiação oficial da prova. Todas as filiadas receberão 10 pontos como bonificação de participação.

As inscrições podem ser feitas antecipadamente com desconto pelo www.sgpsistema.com e as competidoras devem indicar que desejam pontuar pela ANTT, sendo acrescentada uma taxa de R$ 50,00 além do valor oficial da inscrição. As competidoras que ainda não estiverem filiadas na ANTT, poderão se filiar até o momento da prova.

Mais informações podem ser obtidas em nosso site oficial www.antt.org.br ou através das nossas redes sociais.

 

Assessoria: Agência PrimeComm

ANTT CONSAGROU AS CAMPEÃS DA TEMPORADA NA ARENA DO JAGUARIÚNA RODEO FESTIVAL

A arena do Jaguariúna Rodeo Festival foi o palco que encerrou com chave de ouro a temporada de 15 anos de história da ANTT, nos dias 14 e 15 de setembro. As melhores competidoras da temporada estiveram presente no rodeio que é referencia nacional, em busca do título de campeã no maior campeonato de Três Tambores do Brasil na Final ANTT Organnact 2018.

“Foi uma final fantástica, muito disputada e a altura da comemoração dos 15 anos da ANTT. Essa final se tornou ainda mais especial por ser na arena de Jaguariúna. Agradecemos ao Guilherme Marconi, ao Quinze, ao Tio Cláudio e todos da diretoria que confiaram nos trabalhos da ANTT e nos deram todo o suporte para a realização desta final histórica,” disse a presidente da ANTT, Silvana Bertato.

Na Categoria Feminino, o título foi decidido em uma das disputas mais acirradas da história da ANTT e Ana Carolina Cardozo confirmou o favoritismo, conquistando seu primeiro título nacional e um automóvel zero KM. A competidora de Araraquara-SP liderou a temporada do início ao fim e só precisou manter a regularidade para terminar o ano com a fivela de campeã em conjunto com Cromo Down Jet WA.

“Este título é o ápice da minha carreira. É muito gratificante, pois não foi um título ganho somente em um final de semana. Passamos por várias etapas, várias provações, muitas viagens,” declarou a campeã. “Eu sabia que um deslize poderia colocar tudo a perder, então mantive o foco, com muita oração e fiz corridas seguras, que não me comprometeriam. Agradeço a Deus por tudo e a cada um que esteve ao meu lado nessa caminhada, especialmente minha família” completou Ana Carolina.

Em busca de seu quinto título nacional, Fatiana Ferreira fez a sua parte e após três passadas sem erros, foi a campeã da etapa final, mas terminou o ano na segunda posição, seguida da campeã nacional de Temporada 2016/2017, Viviane Gratão, que terminou em terceiro lugar. Rafaela Fortunato em quarto lugar e Kelly Calle, em quinto, completaram as cinco primeiras posições da temporada.

Pela Categoria Mirim, as pequenas estrelas da ANTT mais uma vez deram um show e depois de uma temporada impressionante, Ellen Sayuri também confirmou seu favoritismo, escrevendo seu nome na galeria de campeãs da ANTT. Se despedindo da Categoria Mirim devido a idade, a competidora de Bastos-SP fez uma final regular em conjunto com Venas Bee Peppy, mas os resultados das etapa anteriores a ajudaram a terminar o ano na primeira colocação.

“É um sonho que se realiza e que eu tinha desde a primeira vez que competi na ANTT, há três anos. Nosso objetivo foi alcançado, pois desde a primeira etapa da temporada estava focada em busca deste título e deu tudo certo apesar de ter sido uma final muito disputada. Agradeço a Deus, aos meus pais, ao Renan Monteiro, ao meu treinador Juninho Palma e toda a equipe que cuida do bem-estar dos meus animais, declarou a pequena campeã.

Com apenas 20 pontos de diferença, Maria Eduarda Cardozo chegou muito perto de também conquistar seu primeiro título nacional, mas encerrou a temporada na segunda posição. A melhor somatória da etapa final foi de Stephanie Rodrigues, que terminou o ano na terceira posição. Eduarda Peres e Laura Calle, respectivamente em quarto e quinto lugares, completaram o Top 5 da temporada.

A “Silver Race” é disputada pelas competidoras da Categoria Feminino que terminaram entre a 11ª e a 20ª posição no ranking e este ano contou também com a representante da ANTT Norte e Nordeste. Assim como nas demais categorias, o título também foi definido por uma margem mínima de pontos.

Rafaela Slaviero chegou a final na segunda posição, mas fez a melhor somatória de tempo após ir bem em todas as passadas e garantiu a fivela de campeã da etapa final, que foi fundamental para lhe dar uma vantagem de 30 pontos no ranking, conquistando também o título da temporada na “Silver Race”. Em conjunto com Billy Hexton FL a paranaense declarou que o título tem uma importância muito grande em sua carreira, representando a realização, a garra, a determinação e a superação em uma temporada tão competitiva.

“Ser campeã da Silver Race é uma honra muito grande. Foi uma final diferenciada, tudo indefinido até a última passada, deixando a prova acirrada e com muita emoção. Agradeço a Deus, a minha mãe que nunca mediu esforços para que eu realizasse meus objetivos, ao CT Marcos Ribeiro, a família 3S, toda a equipe que cuida do ‘Billy’ e meus patrocinadores,” finalizou Rafaela.

Martha Helena Herweg, que havia iniciado a final na liderança, terminou na segunda posição, seguida de Caroline Montero, terceira colocada. Larissa Dollo, em quarto lugar e Rosane Marquezim, em quinto, completaram as cinco primeiras posições da “Silver Race”. Também foi entregue o prêmio de competidora revelação para Ana Carolina Cyrino que obteve excelentes resultados ao logo da temporada.

Entre os treinadores o título ficou com Wilson Dante Laurini Jr., que assim como sua filha Ana Carolina Cardozo, conquistou o título pela primeira vez. O animal Cromo Dow Jet WA, montado por ela também conquistou o título de Melhor Cavalo da Temporada, sendo o mais pontuado na ABQM durante as etapas da ANTT. “O Cromo foi o principal protagonista deste título que conquistei. Sem ele nada seria possível. Meu pai, que o treina especificamente para cada competição, também é merecedor desses títulos,” finalizou a competidora.

Realizar a final em uma das arenas mais famosas do Brasil coroou a temporada memorável da ANTT, que completou 15 anos de história. “Concluímos a melhor temporada que já tivemos. Nosso campeonato é o primeiro a chegar a 15 anos de atividade nas arenas brasileiras, em todas as modalidades e isso é resultado do nosso comprometimento e seriedade, sempre valorizando as competidoras, treinadores e animais”, disse a presidente Silvana Bertato.

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL – TEMPORADA 2017/2018

Categoria Feminino – Gold Race

1 – Ana Carolina Cardozo (Cromo Down Jet WA) – 1300 pontos
2 – Fatiana Ferreira (Exclusive Moon) – 1220 pontos
3 – Viviane Gratão (Linda Dry Jiggs BB) – 1180 pontos
4 – Rafaela Fortunato (Baby Doll Agae) – 890 pontos
5 – Kelly Calle (GF Angelina Ray) – 780 pontos
6 – Kelly Caroline (Manu Ta Fame ZD) – 725 pontos
7 – Gabriela Sávio (WV Castanha Dash) – 720 pontos
8 – Ana Carolina Cyrino (Dual Lena Pep) – 690 pontos
9 – Ana Julia Lima (Afrodite Agae) – 670 pontos
10 – Letícia do Valle (Indiana Victory) – 570 pontos

 

Categoria Feminino – Silver Race

1 – Rafaela Slaviero (Billy Hexton FL) – 765 pontos
2 – Martha Helena Herweg (Ultra Red Agae) – 735 pontos
3 – Caroline Montero (Go Silver Cat YM) – 610 pontos
4 – Larissa Dollo (Star Red Fame EK) – 540 pontos
5 – Rosane Marquezim (Beyonce Trouble 3E) – 530 pontos
6 – Thais Munique (Fly Opener Blondy) – 530 pontos
7 – Brehna Bazanella (Papi Effort Chick) – 520 pontos
8 – Giovanna Morato (One More) – 420 pontos
9 – Ellen Sayuri (James Bravo) – 385 pontos
10 – Isabel Benites (Candy Stone) – 370 pontos
11 – Gessyca Moraes (Strait Tari) – 195 pontos

 

Categoria Mirim

1 – Ellen Sayuri (Venas Bee Peppy) – 780 pontos
2 – Maria Eduarda Cardozo (Little Claire HDN) – 760 pontos
3 – Stephanie Rodrigues (Shogun Gamai LRV) – 700 pontos
4 – Eduarda Peres (Lover Peppy) – 600 pontos
5 – Laura Calle (GF Potrinho Jacinto) – 430 pontos

 

Assessoria: Agência PrimeComm | Fotos: ANTT/Lucas Campos

DEFINIDAS AS CLASSIFICADAS PARA A FINAL DA ANTT EM JAGUARIÚNA

Após uma temporada histórica e cheia de emoções, ANTT – Associação Nacional dos Três Tambores definiu as classificadas para a Final Nacional da Temporada 2017 / 2018 que será realizada nos dias 14 e 15 de setembro durante o Jaguariúna Rodeo Festival, em Jaguariúna-SP. O evento é um dos maiores e mais importantes rodeios do calendário nacional e pela segunda vez recebe o campeonato da ANTT.

Serão 26 competidoras disputando o título nacional nas categorias Feminino e Mirim. O ranking foi formulado com base nos resultados de 16 etapas em quatro estados diferentes, sendo, 11 etapas regulares, três etapas bônus e duas etapas especiais, realizadas em parceria com a ABQM – Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Quarto de Milha.

Uma das novidades da atual temporada foi a inclusão do “descarte”, onde cada competidora tinha o direito de descartar seus cinco piores resultados ao longo do ano, incluindo etapas onde não participou. Desta forma, buscou-se trazer um maior equilíbrio na competição e mais oportunidades para competidoras que eventualmente não possam ir a todas as etapas, de terem chances reais de se classificarem para a Final Nacional.

 

CATEGORIA FEMININO – GOLD RACE

A Categoria Feminino é dividido em duas séries, sendo que na Gold Race, estarão as 10 mais bem pontuadas da temporada disputando o título nacional, que é o principal da ANTT e onde a campeã será premiada com um automóvel zero km. O cenário deste ano é muito semelhante ao do ano passado, quando Ana Carolina Cardozo, Fatiana Ferreira e Viviane Gratão chegaram a Final Nacional ocupando as três primeiras posições e com maiores chances de título. Juntas, as três venceram 10 das 16 etapas realizadas nesta temporada.

Na liderança durante toda a temporada, Ana Carolina Cardozo venceu cinco vezes e em outras seis etapas esteve no pódio, entre a segunda e a quinta colocação. Das 15 etapas que disputou, em apenas uma não terminou entre as 10 melhores e soma até o momento 1.030 pontos. A competidora de Araraquara-SP é a única das três principais favoritas que ainda não tem o título nacional da ANTT, o que deve tornar a disputa ainda muito mais emocionante durante a Final.

Com apenas 90 pontos de diferença em relação a líder, a tetracampeã Fatiana Ferreira venceu quatro etapas nesta temporada e ficou entre as 10 melhores em outras oito oportunidades. Recordista de títulos na história da ANTT, Fatiana busca seu quinto campeonato. Já a Campeã Nacional de 2017, Viviane Gratão, chega a decisão na terceira posição, com 130 pontos a menos que a líder. Este ano ela conquistou apenas uma vitória, mas foi constante em todas as etapas e subiu ao pódio oito vezes.

As classificadas para a Final Gold Race, são:

1 – Ana Carolina Cardozo, Araraquara-SP – 1.030 pontos
2 – Fatiana Ferreira, Guaíra-SP – 940 pontos
3 – Viviane Gratão, Catalão-GO – 900 pontos
4 – Rafaela Fortunato, Americana-SP – 710 pontos
5 – Ana Julia Lima, S.J. Rio Preto-SP – 590 pontos
6 – Gabriela Sávio, Brotas-SP – 510 pontos
7 – Kelly Caroline, Marília-SP – 495 pontos
8 – Ana Carolina Cyrino, Valinhos-SP – 480 pontos
9 – Kelly Calle, Palmeira-PR – 470 pontos
10 – Letícia do Valle, Pres. Prudente-SP – 420 pontos

 

CATEGORIA FEMININO – SILVER RACE

Reunindo as competidoras que terminaram oficialmente entre a 11ª e a 20ª posição no ranking, a Silver Race é mais equilibrada e todas as classificadas chegam a decisão com pontuações bem próximas, o que torna a competição totalmente imprevisível. Na primeira posição está a paulista Martha Helena Herweg, que teve três pódios na temporada e soma 405 pontos. Logo atrás, a paranaense Rafaela Slaviero chega a decisão somando 385 pontos, seguida da sul-mato-grossense Rosane Marquezim, com 350 pontos. A Silver Race terá ainda a campeã da ANTT Norte e Nordeste, Gessyca Moraes, que virá de Palmas-TO especialmente para Final. A competidora também está apta a concorrer ao título da Silver Race e tem chances reais de vitória.

As classificadas para a Final Silver Race, são:

1 – Martha Helena Herweg, Bauru-SP – 405 pontos
2 – Rafaela Slaviero, Curitiba-PR – 385 pontos
3 – Rosane Marquezim, Campo Grande-MS – 350 pontos
4 – Thais Munique, Votuporanga-SP – 340 pontos
5 – Brehna Bazanella, Americana-SP – 340 pontos
6 – Larissa Dollo, Americana-SP – 310 pontos
7 – Ellen Sayuri, Bastos-SP – 295 pontos
8 – Giovanna Morato, Sorocaba-SP – 295 pontos
9 – Caroline Monteiro, Tupã-SP – 280 pontos
10 – Isabel Benites, Campo Grande-MS – 250 pontos
11 – Gessyca Moraes, Palmas-TO – 130 pontos

(representante ANTT Norte e Nordeste)

 

CATEGORIA MIRIM

A Categoria Mirim reúne as novas estrelas da ANTT, com idade de até 12 anos. Nesta temporada, mais uma vez a disputa foi acirrada e as cinco melhores disputarão o título nacional da categoria. Igualando o recorde de oito vitórias em uma mesma temporada e também o de cinco vitórias consecutivas, Ellen Sayuri chega a decisão como líder do ranking e grande favorita. Ellen subiu ao pódio em todas as 14 etapas que participou, tendo além das oito vitórias, mais quatro segundos lugares.

As outras duas únicas competidoras a vencer etapas nesta temporada foram Maria Eduarda Cardozo e Stephanie Rodrigues, que disputam o título ponto a ponto com a líder. Maria Eduarda conquistou quatro vitórias e foi ao pódio em outras nove etapas, chegando a decisão na segunda posição, com uma diferença de apenas 90 pontos para a líder. Também com quatro vitórias, Stephanie fará sua primeira Final Nacional pela ANTT, chegando a decisão em terceiro lugar após subir ao pódio nove vezes durante a temporada.

As classificadas para a Final Mirim, são:

1 – Ellen Sayuri, Bastos-SP – 710 pontos
2 – Maria Eduarda Cardozo, Araraquara-SP – 620 pontos
3 – Stephanie Rodrigues, Arthur Nogueira-SP – 600 pontos
4 – Eduarda Peres, Potirendaba-SP – 500 pontos
5 – Laura Calle, Palmeira-PR – 240 pontos

 

Assessoria: Agência PrimeComm